Dermatologista fala da rotina de Skincare para fazer antes de dormir

Tratamento adequado e feito com acompanhamento de um médico dermatologista podem deixar a pele mais saudável, melhor hidratada e com poros menos visíveis ao acordar

 

O cuidado com a pele deve ser diário e a qualquer momento do dia. Porém, o período da noite é ainda mais importante, uma vez que as células de nosso corpo entram em modo de recuperação, o que permite um aproveitamento melhor das propriedades de produtos que ajudam no cuidado com esta importante parte do nosso corpo. A presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia – Secção RS, Analupe Webber, lembra que a hidratação para o período da noite não precisa necessariamente ser igual à do dia, podendo até serem usados produtos diferentes.

“Os produtos para o dia podem ser mais leves, pois geralmente são utilizados com maquiagem ou com protetor solar. Existem itens que hidratam a pele e já tem protetor solar e ou pigmento, sendo ao mesmo tempo hidratante, protetor solar e base”, completa.

A esfoliação aumenta a capacidade de penetração do hidratante na pele, mas dependendo do tipo de pele, o recomendado é que a frequência dessa atividade não seja tão intensa. Para saber o que é ideal, procure um dermatologista. A massagem facial também pode ser uma aliada. A técnica pode ser feita antes de dormir, mas exige um cuidado.

“Pode ser feita massagem, mas há de se ter cuidado. Não devem ser utilizados cremes, loções ou óleos de massagem corporal”, completa a dermatologista.

A rotina de cuidados com a pele, chamada de skincare, é fundamental. Para que sempre tenha efeito e nunca coloque a pele em risco, é indispensável que os procedimentos e produtos sejam apontados por um especialista que é o médico dermatologista.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Sobre a SBD/RS

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) é a única instituição reconhecida oficialmente pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pela Associação Médica Brasileira (AMB) como representante dos dermatologistas no Brasil. Os médicos dermatologistas a ela ligados precisam obter o Título de Especialista que atesta a sua capacitação.

 

A secção SBD-RS é a sua representante no território do Rio Grande do Sul.

Publicações recentes

Conecte-se

Este site utiliza cookies

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Se de acordo, clique em ACEITAR ao lado.