Doenças dermatológicas são pauta de encontro na capital gaúcha

Evento promovido pela SBD-RS proporciona a atualização e qualificação médica durante dois dias

Tratamentos cada vez mais avançados e medicações eficientes auxiliam médicos e pacientes no esforço de diagnosticar e tratar as doenças dermatológicas mais comuns. A programação da 46a Jornada Gaúcha de Dermatologia que será realizada de forma híbrida nos dias 18 e 19 de março de 2022, traz uma série de atualizações sobre doenças na pele.

O melasma é uma das temáticas presentes no encontro. A doença pode ocorrer por causas hormonais, pela exposição solar e outras causas.
” Sabe-se, hoje, que o melasma não é uma doença só do melanótico, mas também da pele. Há uma ruptura na zona da membrana basal, o que favorece a migração da melanina para a derme, aumentando as manchas. Há tratamentos com cremes que possuem benefício comparável com a fórmula tríplice que é considerado o padrão ouro”, comenta a médica e palestrante Vanessa Santos Cunha que apresentará a aula “o que há de novo no melasma e nas hipercromias”.

A programação tem aulas, também, sobre cicatrizes inestéticas, com Gisele Viana (MG); dermatite perioral, com Mayra Ianhez (GO) e microbioma e barreira cutânea, com Clarissa Prati. Infecções mais comuns no paciente atópico é o tema da aula de Ana Elisa Kiszewski Bau.

A acne é uma das preocupações mais frequentes quando o assunto é dermatologia. O médico Juliano Peruzzo, aborda o tema na apresentação “ Acne x suplementos e hormônios extrínsecos”.

“Em nossa rotina e no cotidiano, a acne é uma questão sempre muito presente e constante. Cada vez temos acesso a novas substâncias que são desenvolvidas no intuito de auxiliar os pacientes e, por isso, é tão importante falar sobre isso passando essa prática para os colegas dermatologistas”, explicou.

O médico que é diretor da SBD-RS, comenta a grata satisfação de realizar novamente um evento presencial.

“A expectativa é muito grande, pois ficamos quase dois anos sem a possibilidade de um evento presencial. Representa um marco muito importante, mesmo diante da grande quantidade de eventos online que tivemos durante esse período. No entanto, nada é melhor do que estarmos reunidos podendo compartilhar o conhecimento científico”, afirma.

A psiquiatra Alice Xavier traz uma visão da especialidade, com a temática do transtorno de escoriação, caracterizado pelo comportamento de beliscar, espremer ou morder de forma recorrente a própria pele.

A programação tem ainda aula sobre a queilite actínica e as doenças da cavidade oral, com a médica Mariana Hammerschmidt (PR); a onicomicose, com Renan Minotto e úlceras, com Leonardo Albarello.

O evento é uma realização da Sociedade Brasileira de Dermatologia – Secção RS. Além da 46a Jornada Gaúcha de Dermatologia a programação conta com o 4o Simpósio Gaúcho de Terapêutica Dermatológica e Imunobiológicos e 5a Jornada Multisserviços.

As atividades ocorrem de forma híbrida com atrações online e presenciais, no Hotel Hilton, em Porto Alegre (RS). Mais detalhes podem ser conferidos no site https://sbdrs.org.br/jornada/

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email

Sobre a SBD/RS

A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) é a única instituição reconhecida oficialmente pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pela Associação Médica Brasileira (AMB) como representante dos dermatologistas no Brasil. Os médicos dermatologistas a ela ligados precisam obter o Título de Especialista que atesta a sua capacitação.

 

A secção SBD-RS é a sua representante no território do Rio Grande do Sul.

Publicações recentes

Conecte-se

Este site utiliza cookies

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Se de acordo, clique em ACEITAR ao lado.