Descubra como manter sua pele saudável e deslumbrante, enquanto evita as armadilhas das alergias causadas pela maquiagem

Maquiagem

A maquiagem é uma aliada poderosa na rotina de beleza das mulheres, mas é importante estar atenta aos possíveis problemas de alergia que ela pode causar. A Sociedade Brasileira de Dermatologia – Secção RS (SBD-RS) alerta para a relação entre maquiagem e reações alérgicas na pele, oferecendo orientações e informações valiosas para evitar tais complicações.

A médica dermatologista e diretora da SBD-RS, Dra. Cintia Pessin explica que o acúmulo de maquiagem e cosméticos na pele ao final do dia pode favorecer o surgimento de acne, dermatite seborreica e alergias no rosto, além de estimular a oleosidade.

“A pele com reação alérgica pode apresentar sinais como sensibilidade aumentada, irritação, vermelhidão, descamação e, em casos mais extremos, até mesmo dor. As dermatites de contato provocadas pela maquiagem podem ocorrer tanto por irritação primária, geralmente após o uso de um produto pela primeira vez, quanto por mecanismo alérgico de contato, comumente quando já se utilizaram produtos anteriormente”, explica.

Para evitar esses problemas, a médica ressalta a importância de uma rotina de cuidados adequada.

“É fundamental higienizar diariamente a pele à noite, utilizando um gel de limpeza suave, e utilizar um hidratante para auxiliar na restauração da barreira cutânea. Além disso, é crucial prestar atenção à validade dos produtos de maquiagem e certificar-se de que eles são aprovados pela ANVISA. Nunca utilize maquiagem vencida ou de procedência desconhecida, pois maquiagens em uso há muito tempo ou já vencidas podem causar alergias na pele com maior facilidade”, salienta.

Cuidados com a higiene

Outra recomendação importante é guardar os itens de maquiagem em um local seco e higienizar os pincéis e aplicadores com frequência. A retenção de resíduos de material orgânico, pelo contato direto com a pele, favorece a proliferação de fungos e bactérias nestes materiais. Os pincéis devem ser higienizados pelo menos uma vez por semana, lavando delicadamente as cerdas com detergente neutro ou shampoo infantil neutro.

Quando a alergia pelo uso da maquiagem é persistente, a realização de testes de investigação de alergia, como o teste de contato, deve ser considerada pelo médico dermatologista. Esses testes auxiliam na identificação dos ativos presentes nos produtos que podem estar causando reações alérgicas na pele.

A Sociedade Brasileira de Dermatologia – Secção RS reforça o compromisso em orientar e promover a saúde dermatológica da população. Em casos de reação alérgica é indispensável a visita ao médico dermatologista. Para mais informações sobre cuidados com a pele e prevenção de alergias relacionadas à maquiagem, entre em contato com a SBD-RS ou agende uma consulta com um médico dermatologista.

Redação e coordenação: Marcelo Matusiak

Supervisão: Dra. Valéria Rossato

Este site utiliza cookies

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Se de acordo, clique em ACEITAR ao lado.